virus

A Kaspersky põe ao seu dispor duas ferramentas para identificar o malware e detectar que computadores estão infectados, resolvendo o problema

Já falámos noutras ocasiões das várias ameaças de segurança que os diferentes equipamentos informáticos podem sofrer, mas nem sempre é simples saber se existe um problema, dado que o utilizador pode não dar por nada.

Um botnet é um tipo de Malware que não é visível para o utilizador e que se dedica a realizar tarefas furtivas sem ninguém o detectar. Por exemplo, são criados para recolher informação pessoal (palavras-passe, números de cartões de crédito, etc.) que depois é usada para crimes como roubos de identidade ou fraudes. Podem mesmo ser usados para ataques a outras redes ou sites.

Os dois principais problemas dos botnets são, em primeiro lugar, identificá-los e, depois, desactivá-los. Se estiver interessado em questões de segurança, provavelmente já tenha ouvido falar do botnet Simda, que pode ter infectado 770.000 computadores em todo o mundo e que se dedicava a instalar programas indesejados durante anos. Estes programas incluíam por exemplo alguns dedicados a roubar informação financeira dos utilizadores. O Simda cobrava aos developers destes programas por cada instalação que fazia.

Todas as soluções Kaspersky Lab detectam o malware Simda, mas caso os seus clientes não disponham deste software, a Kaspersky desenvolveu uma ferramenta para saber se um computador está infectado pelo botnet Simda. Pode aceder à mesma aqui. Em alternativa, também pode usar a ferramenta gratuita Kaspersky Security Scan para o verificar.

De qualquer maneira, a melhor protecção é a prevenção, pelo que lhe recomendamos ter sempre os seus clientes protegidos instalando-lhes um programa de segurança de uma marca reputada.

Se estiver interessado em obter mais informações sobre as licenças da Kaspersky convidamo-lo a visitar o nosso site.

#BOTNET #SIMDA #KASPERSKY
Fonte: Kaspersky Lab